SEJA BEM VINDO

SEJA BEM VINDO

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Sábado tem Natal Mágico Peterlongo




Banda Valente e Laura Dalmás, participantes de reality shows da Globo, food trucks, moto clubes, carros antigos, espumante, suco de uva e espetáculo pirotécnico são atrações confirmadas

A Banda Valente, finalista do SuperStar, reality show da Globo, vai embalar o Natal Mágico Peterlongo no dia 16 de dezembro. O evento, que inicia às 18h, terá ainda a presença de Laura Dalmás, participante do The Voice 2016, que será acompanhada pela Banda Cabelo Cacheado. Além da música, food trucks e muito espumante, um show pirotécnico com muitos fogos e luzes vão iluminar o céu de Garibaldi (RS). Ingressos estão à venda no varejo da Vinícola Peterlongo ou pelo site www.sympla.com.br a R$ 20 antecipado. Na hora, será R$ 30, sujeito à disponibilidade.
Às 19h inicia o primeiro show com a gaúcha de Carlos Barbosa, Laura Dalmás. Às 20h sobe ao palco a Banda Valente, de Estância Velha, que conquistou o Brasil no SuperStar. Com fortes referências de nomes como The Beatles, Radiohead e Jeff Buckley, entre outros, a banda lançou seu primeiro EP ao vivo em 2015. Fundada em 2008 pelos irmãos Raoni (guitarra e voz) e Raynê Forian (piano, teclado e sintetizadores), o baterista Marcelo Koch e o baixista Raoni Santos, a Banda Valente exibe as músicas Insossego e Essa noite você vem, sucessos que rodam nas principais rádios.

A festa segue com food trucks, moto clubes e carros antigos, além, é claro, de muito espumante, vinhos e suco de uva. O ingresso dá direito a uma taça personalizada. O público pode levar cadeiras e almofadas e se acomodar no entorno do Castelo Peterlongo. Para quem deseja um ambiente mais tranquilo e em contato com a natureza, a Peterlongo oferece o jardim entre os vinhedos. Com bancos de paletes, as pessoas podem se acomodar à sombra de uma centenária nogueira e degustar um espumante.
SERVIÇO
- 16 DE DEZEMBRO
O que? Festa de Natal com shows de Laura Dalmás e Banda Cabelo Cacheado e Banda Valente, Food Trucks e show pirotécnico
Quando? 16 de dezembro de 2017
Horário: das 18h às 22h
Onde? Vinícola Peterlongo (Garibaldi/RS)
Ingressos limitados: R$ 20 antecipado e R$ 30 no local (sujeito à disponibilidade)
Locais de venda: varejo da Vinícola Peterlongo, Foto Pavan de Bento e no site www.sympla.com.br.

Fotos: Jeferson Soldi

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

MARE PESCE & VINO: O NOVO RESTAURANTE DO EATALY

O Restaurante irá inaugurar amanhã, mas as Apreciadoras de Vinhos já passam para vocês as novidades antes do lançamento.


Tradicional conceito do crudo italiano é destaque no menu do restaurante MARE PESCE & VINO, que remeterá ao Mediterrâneo em tons de azul.

Um menu que valoriza os pescados brasileiros e evidencia a tradição do crudo italiano: essa é a proposta do MARE PESCE & VINO, novo restaurante do Eataly que inaugura no próximo dia 12 de dezembro.


O MARE PESCE & VINO ocupará o lugar do Il Pesce, localizado no primeiro andar do complexo. Baseada nos três pilares do Eataly, comprar, comer e aprender, a ideia é valorizar ainda mais a conexão entre o mercado e o restaurante, juntando o balcão da peixaria a cozinha, para oferecer aos clientes uma verdadeira experiência gastronômica do mar até a mesa.
O MARE PESCE & VINO seguirá uma paleta de vários tons de azul e mosaicos que remetem as artes italianas do Sul da Itália, em forma de isca de peixe geométrico. Haverá também uma grande lousa com as sugestões de pratos do dia e os peixes mais frescos do mercado prontos para serem levados para casa.
O destaque ficará por conta do balcão, de onde o chef poderá ser visto fazendo os cortes de peixe mais frescos e os melhores crudos italianos, tudo à frente da clientela.
Um dos pontos primordiais do MARE PESCE & VINO será a qualidade dos ingredientes. Para isso, o Eataly buscou pequenos fornecedores locais de pesca sustentável, como o Amaral, do Rio de Janeiro, que se preocupa com a pesca ecologicamente correta e o cuidado com o manuseio e transporte dos produtos. Contra a pesca predatória de peixes brasileiros, o Eataly trabalhará de acordo com a sazonalidade dos produtos, garantindo que apenas os melhores e mais frescos peixes da estação cheguem aos clientes.
Todo cuidado poderá ser visto no cardápio que evidencia a tradição do crudo italiano. “São Paulo já tem uma forte ligação com o peixe cru pelas influências japonesas na cidade. Nós vamos trabalhar técnicas de corte de peixe italianas com o melhor produto que o Brasil nos oferece nesse mix cultural e gastronômico”, conta o chef à frente do Mare, Thiago Saldiva. Com passagens por restaurantes como o La Table de Joel Robuchon, L’Arpége e Le Dôme du Marais, em Paris, atualmente Thiago é sous chef executivo do Eataly

As receitas italianas com toques modernos e que valorizam 100% a matéria prima vinda da costa brasileira são divididas em quatro partes do cardápio. Na sessão de Crudos, o cliente poderá escolher entre os peixes do dia, como pargo, atum, linguado; moluscos, como lula e povo; crustáceos, como camarão e cavaquinha ou ostras do balcão e combinar com uma das seis opções de marinadas, como a sugestão de azeite, limão cravo, gengibre e flor de sal.
La Barca di Capri, serve até três pessoas e traz uma seleção pré-definida dos melhores peixes do mercado contendo fatias de peixe, camarões, lulas marinadas além de molhos e guarnições. Na seção intitulada Le Nostre Interpretazioni, circulam sugestões como o Carpaccio de camarão rosa, romã, tangerina, manjericão, dill, palmito pupunha, azeite extra virgem e flor de sal ou ainda Atum cru levemente defumado, azeite, mostarda de Cremona e amêndoas.
Finalizando, I Piatti da cozinha, traz opções de antipasti como o Polvo grelhado na chapa com vinagrete de feijão, açafrão e azeitonas; pratos principais como Raviolone recheado com cavaquinha, zabaione di Prosecco e limão, cebola roxa e alho-poró caramelizados e ainda segundo prato como o Peixe branco na brasa, molho agridoce de carne e gengibre, spaghetti frito de batatas e folhas crocantes.
Para acompanhar, uma carta de vinhos italianos com uma seleção de mais que 50 vinhos e o primeiro bar de coquetéis do Eataly, com Gin Tônica, Aperol Spritz, Negroni e Negroni Sbagliato, todos no valor de R$ 30, cada.  
“Esse será um lugar que une a ideia primária de qualidade de produto e da simplicidade da técnica de produção dos pratos. Esse restaurante é a exaltação do Eataly”, completa Luigi Testa, diretor geral do Eataly Brasil. 

Informações  e imagens concedidas pela Eataly e  pela atenciosa Maria Carolina Contrasti da TAO Public Relations

sábado, 9 de dezembro de 2017

VINHO E ARTE: ESPORÃO RESERVA BRANCO 2016 COM RÓTULO ILUSTRADO PELO FOTÓGRAFO DUARTE BELO



É possível encontrar no mercado brasileiro a nova safra do clássico vinho Esporão Reserva Branco. Um dos vinhos mais respeitados de Portugal, o Esporão Reserva foi o 1º a ser produzido pela vinícola, em 1985, contribuindo para caracterizar o perfil rico e expressivo dos melhores vinhos do Alentejo.

É um vinho emblemático, representando a forte aliança entre a cultura do vinho e das artes plásticas, pois possui rótulos exclusivos a cada safra, feito especialmente por um artista português. Duarte Belo, arquiteto e fotógrafo, é o responsável pela criação deste rótulo. Sua inspiração, após vasto registro da propriedade do Esporão, partiu do critério de mostrar a terra e os seus elementos, como a paisagem e o céu.


Produzido com castas típicas alentejanas (Arinto, Antão Vaz e Roupeiro), este branco sugere aromas ricos com notas de limão e grapefruit. No paladar é cremoso, com estrutura e volume, revelando um excelente equilíbrio e preenchimento pela fruta. O final é longo e elegante. 
Importado pela Qualimpor, o Esporão Reserva Branco 2016 pode ser encontrado em empórios, restaurantes e supermercados do país pelo valor médio de R$ 145,00.

QUALIMPOR 

(11) 5181-4492


                                                                              http://www.youtube.com/esporaoworld
---

Mais informações:

Tema Assessoria de Comunicação

Com o que você gosta de combinar ?

Queridos leitores! Qual sua combinação preferida...hoje iremos dar algumas dicas de pratos rápidos  e espumantes que combinam perfeitamente, mas desde já deixamos sempre a dica do renomado Carlos Cabral "O melhor vinho é aquele que você gosta" e a equiparação é com o  de sua escolha .

1- Que tal um espumante Demi -Sec com culinária japonesa: Por haver muitos peixes na culinária oriental normalmente se recomenda que deguste com vinhos brancos e espumantes...deixe o tinto para pratos mais encorpados.




2- Bruschettas...aqui a nossa é com palmito, tomates e temperos frescos com um pouco de parmesão ralado por cima. Independente da Bruchetta ela irá combinar perfeitamente com vinhos tintos, brancos ou espumante.Aqui como o clima estava quente degustamos com o delicioso Espumante Nacional Rosé da Casa Valduga....ficou perfeito.


3-Quer fazer uma salada e uma massa leve, caso ela tiver condimentos, um molho vermelho ficará muito bom com vinho tinto.No nosso caso como a massa era fresca  e com brócolis, bem como o dia estava quente optamos por um espumante também Nacional :Garibalde  Chardonnay que ficou maravilhoso. Esse espumante também é recomendado, ganhou vários prêmios e tem um excelente custo benefício.


4-E que tal  uma bela pizza...já notaram que todas as fotos foram com espumante, mas a justificativa é que estamos no verão....o calor no Brasil pede um espumante geladinho. Quem não gosta?
Aqui uma bela pizza  marguerita com temperos da horta e outro espumante nacional que se saiu muito bem ( Aurora Demi- Sec). Mas fique tranquilo em combinar com um vinho branco, tinto ou rosé, afinal pizza é muito fácil combinar.


5-Ceviche ..aqui fizemos uma receita incrível ...como o que é bom deixamos para o final..fica a receita:
Ceviche com chips de batata doce:
ingredientes do Ceviche:peixe Saint Peter cortado em cubos( pode usar salmão também), polpa da fruta  maracujá com a semente, suco de meio limão, tomates e meia cebola picados, zaatar, pimenta do reino, (tomilho, Dill, manjericão e cheiro verde picados) e azeite.Misturar tudo e deixar na geladeira.
O chips  é só cortar em tiras bem finas colocar  a fatia no  óleo e sal e deixar no forno gratinando até tostar os lados e ficar crocante.

Ceviche é uma entrada  fresca, por isso se recomenda devido ao peixe que deguste com um vinho branco ou rosé ...um espumante...fica perfeito.



Gostaram das dicas!Esperamos que sim!!!!Obrigada pela visita e voltem sempre!Tim Tim! Quer dar sua opinião...sempre será um prazer!

domingo, 3 de dezembro de 2017

Vinho Miolo está na carta de restaurante britânico com 2 estrelas no Guia Michelin




vinícola Miolo segue conquistando os paladares britânicos: além de ser a única marca brasileira no lounge VIP da British Airways (em Heathrow) com o tinto Miolo Reserva Pinot Noir, um restaurante estrelado selecionou vinho Miolo para integrar sua carta.

Trata-se do Sat Bainslocalizado em Nottingham, que acaba de receber 2 estrelas na edição 2018 do Guia Michelin, a mais respeitada publicação gastronômica do mundo.
O restaurante escolheu o Miolo Reserva Chardonnay como uma das opções para harmonizar com seu cardápio premiado, que apresenta um menu degustação de vanguarda perfeitamente executado. Versátil, o branco Reserva Chardonnay será a companhia ideal para a versão de vieiras do chef do Sat Bains, o tagliatelle de couve-rábano e o velouté de ostra com caviar.
Elaborado na região da Campanha Meridional (RS) com a uva considerada rainha entre as brancas, o Miolo Reserva Chardonnay conta com passagem por barricas de carvalho francês, aromas frutados e acentuado frescor.

“O Miolo Reserva Chardonnay é um vinho democrático e certamente essa característica, além de sua altíssima qualidade, foi considerada na escolha do rótulo para a carta do Sat Bains. O restaurante tem um menu sazonal e criativo e seguramente privilegia vinhos que possam acompanhar as mudanças no cardápio”, resume Adriano Miolo, superintendente do grupo.

O Grupo Miolo possui projetos em 4 regiões do Brasil com vinhedos próprios: em Bento Gonçalves (RS), no Vale dos Vinhedos - Vinícola Miolo (100 hectares); em Candiota (RS), Campanha Meridional - Vinícola Seival (200 hectares); em Santana do Livramento (RS), Campanha Central - Vinícola Almadén (450 hectares); e em Casa Nova (BA), Vale do São Francisco - Vinícola Terranova (200 hectares)

Informações concedidas pela  imprensa: CH2A Comunicação

domingo, 19 de novembro de 2017

Viña Montes - Importadora Mistral

As Apreciadoras de Vinhos adoram mencionar a Vina Montes http://apreciadorasdevinhos.blogspot.com.br/2017/06/vinicola-montes-importadora-mistral.html  e hoje vamos postar um pouco sobre esses deliciosos vinhos chilenos cuja importadora é a Mistral.

Segue algumas informações técnicas e imagens que a Mistral  nos passou e caso quiser adquirir os vinhos é só acessar o site https://www.mistral.com.br  :

Viña Montes é um dos maiores nomes do Chile, elaborando

fantásticos vinhos tintos e brancos, de muita personalidade
e imbatível relação qualidade e preço.Sua reputação no Brasil e afora é enorme e seus vinhos estão sempre

entre os melhores da América do Sul. O produtor foi o pioneiro dos

vinhos de alta qualidade no Chile.

Viña Montes foi não só a precursora dos vinhos de alta qualidade no

Chile, servindo como um divisor de águas na história da viticultura
chilena, como também inaugurou uma profunda transição da
'quantidade' para a 'qualidade' em todo o cenário vinícola do país. Uma
curiosidade da vinícola chilena: na sala de barricas, seus vinhos
descansam ao som de cantos gregorianos.

Nós tivemos oportunidade de conhecer a vinícola e ela é incrível, então vamos aos vinhos que são excelentes :


Purple Algel Carménère 2014 : Simplesmente o melhor Carmenère de todo o mundo na opinião de James Suckling que concedeu nada menos que 98 pontos para a safra de 2014, o Purple Angel de Viña Montes é um dos mais cultuados vinhos do Chile. Um tinto de minúscula produção, com uma combinação de exuberância e finesse rara entre os vinhos do Novo Mundo. Descrito como "maravilhoso" por Suckling, é talvez o mais grandioso tinto elaborado com a casta mais emblemática do Chile. Um verdadeiro ícone!

Montes Alpha Pinot Noir 2014 - Elaborado como uvas da região de Leyda, considerada a melhor do país para a produção desta casta, 60% do vinho é maturado em barricas de carvalho francês. O tinto foi descrito pela Wine Spectator como elegante e fresco, com um final macio e profundo.



Montes Folly Syrah 2013 -É o melhor Syrah da casa e o primeiro ultra-premium Syrah do país. Ele se posiciona ligeiramente abaixo do grande Montes Alpha M. A sua safra de lançamento foi a de 2000. Obteve 94 pontos da Wine Spectator na safra 2005. O nome é uma brincadeira com o fato de os tradicionais vinhateiros chilenos terem considerado a plantação de Syrah, uma cepa não testada na região, uma loucura. E uma dupla loucura, já que as vinhas foram plantadas nas mais altas encostas do vinhedo, o que é bastante trabalhoso e caro.

O Outer Limits Sauvignon Blanc 2016 surpreende pela elegância e riqueza de sabores de fruta tropical e cítrica, combinadas a uma incrível mineralidade e frescor. Logo em seu lançamento, este maravilhoso branco já foi eleito o melhor Sauvignon Blanc de clima frio do Chile, em um painel que reuniu especialistas chilenos e norte-americanos.



Montes Alpha M 2012 -Com nada menos que 96 pontos da Wine Spectator na safra 2010 e 94 pontos de Robert Parker na safra 2011, o Montes Alpha M é certamente um dos grandes tintos do Chile e da América do Sul. É incrivelmente elegante e refinado, lembrando um grande vinho de Bordeaux. Foi o primeiro vinho superpremium do Chile e até hoje é referência do que de melhor o país pode produzir, se posicionando sempre nas primeiras colocações de todos os rankings dos melhores vinhos da América do Sul. Está cada vez mais elegante e refinado a cada safra. Segundo Parker, esta safra é um clássico.

Montes Taita 2017:Taita é a nova criação de Montes , um novo grande vinho vinificado com paixão , rigor enológico e grande sabedoria. Ele representa a soma de todo o conhecimento que esta grande vinícola adquiriu durante 25 anos elaborando vinhos.Uvas provenientes de vinhedos localizados em Marchigue. Nestes vinhedo os componentes do solo são únicos , perfeitos para a adaptação da Cabernet Sauvignon.





domingo, 12 de novembro de 2017

Vinho Gê - Vinícola Emiliana

                                              #apreciadorasdevinhos



Pontuações da safra 2013:
  • 5 Puntos - JamesSuckling.com 2017 - Gê 2014
  • 92+ Puntos - Luis Gutierrez (Wine Advocate) USA 2017 - Gê 2013
  • 95 Puntos - Tim Atkin, UK 2017 - Gê 2013
  • 94 Puntos - JamesSuckling.com 2016 - Gê 2013
  • 94 Puntos - Descorchados Guide, Chile 2017 - Gê 2013