SEJA BEM VINDO

SEJA BEM VINDO

domingo, 30 de outubro de 2016

Vinho Merlot AGVS da Lídio Carraro com torta de palmito(receita Rita Lobo) e shitake gratinado

 Vinho Merlot AGVS da Lídio Carraro: Um vinho de qualidade que recomendamos.Já tivemos a oportunidade de conhecer a vinícola Lídio Carraro e o Giovanni Carraro, tanto que já entrevistamos ele e o  revemos  na ExpoVinis 2016, momento em que nos apresentou os vinhos da Olímpiada e o vinho AGVNS que havia ganhado o top 10, mas com outra uva.
Esse Merlot que experimentamos no final de semana  apresenta coloração vermelho rubi e aromas de frutas vermelhas frescas, como morango, framboesa e amora preta, evoluindo para ervas finas.
Terroir:Terras de Encruzilhada do Sul;
Premiações: 17 pontos avaliado no site Jancis Robinson, 89 pontos(2 estrelas) em avaliação pela Vinforum na Dinamarca. Vinho recomendado como referência em custo x benefício pelo Sommelier Benjamin Fanuel, no Le Quotidien Luxemmbourgish Newspaper.

foto com Giovanni Carraro

Torta antes de ir ao forno.
Com esse deliciosos vinho degustamos uma torta de palmito feita em casa( receita :Rita Lobo):http://gnt.globo.com/receitas/receitas/como-fazer-torta-de-palmito.htm
Shitake gratinado antes de ir ao forno

Por fim....sobremesa: picolé magnum com calda de morango e suspiros: A Calda é super simples, basta colocar morangos, açúcar, um pouco de água e depois alguns suspiros e derreter.Colocar essa mistura em um pode de sobremesa, acrescentar suspiros e o magnum.


Esperamos que tenham gostado das dicas e indicamos o vinho AGVS Merlot!Tim Tim!!

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Clericot diferente acompanhando salmão ao molho de maracujá




Que tal um Clericot com vinho branco, maracujá, manga, laranja pera e um toque de alecrim. Pois bem, essa é a dica das Apreciadoras de vinhos. Bata no liquidificador manga, maracujá, vinho branco e suco de laranja.Após você vai coar e acrescentar gelo e rodelas de laranjas, por fim o toque do alecrim.

Quer relembrar a receita com molho de maracujá...você pode fazer com qualquer outro peixe:
Tim Tim !!

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Melhores momentos -Tannat Tasting Tour 2016


Uruguai é o maior produtor do mundo da Tannat com cerca de 3.000 hectares plantados.A Tannat tem origem na região do Madiran, perto de Bordeaux e no Uruguai encontrou um "terroir" perfeito para seu desenvolvimento.
Tannat Tasting Tour 2016 é mais um sucesso que foi organizado pela CH2A Comunicação e as Apreciadoras de Vinhos não poderiam deixar de participar e registrar e informar as melhores dicas.
22 vinícolas com importadoras de renome estiveram presentes: Alto de la Ballena, Antigua Bodega Stagnari, Ariano Hnos, Artesana, Bracco Bosca, Casa Grande Arte y Viña, Castillo Viejo, El Capricho, Familia Dardanelli, Família Traversa, Finca Narbona, Garzón, H. Stagnari, Juan Toscanini e Hijos S.A, Juanicó -Família Deicas, Marichal, Montes Toscanini, Pisano, Pizzorno Family Estates, Rodríguez Bidegain, Viña Eden, Viña Progreso.
Nós passamos por algumas das mencionadas e vamos relatar o melhor delas, os vinhos mais populares e os mais renomados.
Detalhe: evento com as elegantes taças Riedel


Foto com Francisco Pizzorno da vinícola Pizzorno

Foto com Virgínia Moreira H. Stagnari da vinícola H. Stagnari

Vinícolas que registramos:

1-Finca Narbona - Importadora Devinum

Finca Narbona nos surpreendeu pela alta qualidade, já tínhamos conhecimento do delicioso hotel da Relais Chateaux http://www.narbona.com.uy/pt/ e agora conhecemos os deliciosos vinhos. O vinho Narbona Blend segundo informações são misturas de uvas não reveladas, com 10 meses em barrica de carvalho francês, sabor persistente e elegante.
O vinho Luz de Luna Tannat :fica na região de Carmelo. Paladar doce com taninos suaves. Sabor de frutas vermelhas maduras com madeira.5 meses em barrica de carvalho francês.
Vinho Puerto Carmelo Tannat:uvas 100% tannat, aromas de frutas vermelhas maduras e uvas passas, envelhecimento em aço inoxidável .
_________________________________________________________________________________
2-Bodega Marichal -Importadora Ravin














A Ravin é uma importadora de renome e os vinhos apresentados foram :Vinho Marichal Grand Reserve Tannat: uvas 100% tannat, com poucas garrafas, um vinho tinto equilibrado. Notas de frutas vermelhas maduras, violeta e chocolate.93 pontos segundo Michael Franz.
Vinho Marichal Premium Varietal Tannat: vinho jovem, frutado, taninos delicados.
Marichal tem 50 hectares de vinhedos próprios ao sul do país onde se destaca o cultivo das variedades: tannat, merlot,  cabernet sauvignon, cabernet franc, pinot noir,chardonnay, semillón e sauvignon blanc.
_________________________________________________________________________________
3-Vinícola Pizzorno -Importadora Grandcru














http://www.pizzornowines.com/

Vinho Don Próspero Tannat Malbec 2015: Uvas 50% tannat, 50% malbec. Envelhecido em barris de carvalho por  10 meses. Aroma de frutas vermelhas, framboesa.Tanino sedoso.Vinho muito bom.
Vinho Primo 11:Envelhecido em 12 meses de carvalho francês, submetido a um novo envelhecimento por 8 meses.Taninos doces e maduros, também tem alta qualidade.
_________________________________________________________________________________

4- Bodegas Castillo Viejo -Importadora:La Pastina



Vinho El Preciado Gran Reserva 2011:Aroma enfatizando frutas passas, ameixas, figos, especiarias.Na boca suave e agradável.Uvas: Cabernet Franc, Merlot, Cabernet Sauvignon e Tannat. Ganhou prêmios:Consume Chooses Uruguay Best Premium Wine/ Jancis Robinson UK 18,5/20 pontos.Região:San José.
_________________________________________________________________________________
5-Vinícola Braccobosca - Importadora Domno

A linha Ombú tem  vinhos com uvas :Sauvignon Blanc ou  Tannat  ou  Tannat com Syrah e Petiti Verdot. A linha reserva Ombú são:Ombú Reserve Syrah : aroma combina nuances de frutas silvestres, violetas, café e chocolate.Harmoniza com: cordeiro, cozidos, queijos, carne de porco.
Já a linha Ombú Reserve Tannat:100% uvas tannat,  aroma de frutas silvestres, cogumelos, chocolate amargo e violeta. Combina com massas, embutidos e carnes vermelhas.
Ombú Reserve Petit Verdot:aroma frutado, nuances de amora, frutas vermelhas e ameixa.Harmoniza com carnes vermelhas, massas e embutidos. Conquistou recentemente a medalha de Gran Ouro na competição VinoSub 30 Uruguay 2016. O concurso realizado em Punta del Leste, avaliou os melhores vinhos produzidos no país.
_________________________________________________________________________________

6- Vinícola H. Stagnari -Importadora Cantu



O Tannat Viejo já ganhou 35 medalhas de ouro em concursos internacionais avaliados pela O.I.V Campeonato do Hemisfério Sul a nível mundial e foi considerado internacionalmente como o Tannat mais premiado do mundo, esse vinho tem um sabor diferente e especial, não é a toa que ganhou tantos prêmios.Aroma de frutas negras maduras, notas de especiarias e chocolate.Passa por mais de 10 meses em barrica de carvalho francês.

O vinho Dayman:vinho intenso e robusto, passagem po barricas novas 80% francesas e 20% americana por mais de 9 meses. Dayman é reconhecido como Campeão Mundial avaliado pelo O.I.V França em categoria vinho tintos.
__________________________________________________________________________

7- Vinícola Familia Traversa- Importadora Angeloni E Cia

Viña Salort Tannat Reserva:elaborado a partir de uvas Tannat selecionadas.Fica em barricas novas de carvalho americano.Aroma intenso com frescura e cremosidade.Taninos suaves e maduro.A linha Premiun Viña Salort tem : Tannat Reserva/ Syrah-Tannat Reserva/ Merlot Reserva/ Chardonnay Reserva.
_________________________________________________________________________________
8-Viña Edén 

Com uma estrutura maravilhosa, a Viña Éden  ficam nas montanhas rochosas do Éden Pueblo.No site da para saber um pouco mais sobre o lugar e produção.

domingo, 16 de outubro de 2016

Obrigada queridos leitores!

Ficamos com a postagem mais lida hoje na Enoblogs!Tim Tim e obrigada sempre a você leitor que faz parte dessas conquistas!

sábado, 15 de outubro de 2016

Prosecco Martini com combinações para você se deliciar




Que tal bruschettas com Prosecco Martini? A dica é fatiar pães australiano, aquecer no forno e após passar cream cheese, colocar salmão defumado, tomates picados com oréganos e tomilhos frescos.Após colocar queijo parmesão ralado, Dill Aneto e azeite.

O Prosecco combina com bruschettas, massas...é só criar e se deliciar. Aqui também fizemos uma massa da Forno de Minas de ricota, parmesão e castanha do Pará com azeite, alho e alcaparras e orégano e acrescentamos salmão defumado...hummm..
Tim Tim e esperamos que tenham gostado!
Quer relembrar um pouco sobre os espumantes Martini:



sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Dica especial das Apreciadoras de Vinhos: Larentis abre a temporada de Piquenique nos Vinhedos


Selecione um vinho ou espumante, retire a toalha, a cesta de palha com produtos típicos e escolha o local para desfrutar de algumas horas de lazer.
Chegou a estação do ano mais colorida e cheirosa.Apesar de as temperaturas ainda oscilarem na Serra Gaúcha, a primavera se faz presente pela imensa variedade de flores e folhas que brotam. É o sinal de que a Vinhos Larentis deve abrir mais uma temporada de piquenique em meio aos parreirais que também despertam de um longo período de descanso.


Até março, turistas e moradores da região podem desfrutar de momentos e experiências inusitadas na vinícola familiar, localizada no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves(RS).Todos os sábados, domingos e feriados, a partir das 14 horas, o visitante opta por ficar mais próximo da vinícola, no topo do vale, ou mais distante, com maior privacidade, no caso de casal, em meio a almofadas coloridas, uma cesta de vime com produtos coloniais, incluindo geleia caseira, pão colonial e tábuas de frios com queijos, salame e copa, claro, vinho ou espumante a escolher com direito a uma taça personalizada por pessoa de brinde.

Todo atendimento é feito pela família que trabalha há cinco gerações no cultivo da uva e na produção de vinhos e espumantes. Por isso, reunir a família, encontrar com amigos ou em casal, torna-se especial e tem se mostrado uma excelente oportunidade de aproveitar algumas horas românticas, descontraídas e de um bom bate-papo no principal roteiro enoturístico do Brasil. Para participar é preciso fazer reserva antecipada no telefone :(54) 3453-6469 ou pelo e-mail : larentis@larentis.com.br
Serviço
Evento: Piquenique nos Vinhedos
Local: Vinhos Larentis, Linha Leopoldina, Vale dos Vinhedos, Bento Gonçalves (RS)
Data: setembro a março de 2016
Horário: todos os sábados, domingos e feriados a partir das 14h até 18h
Atrações: Cesta com produtos coloniais regada a vinho ou a espumante, além da tradicional toalha xadrez e almofadas.
Valor: adultos pagam R$ 70,00 e crianças de 05 a 14 anos pagam R$ 30,00. O valor deve ser pago à vista em dinheiro
Reservas: 54 3453.6469 ou larentis@larentis.com.br
Fotos: Divulgação Larentis
Informações: conceitocom.com.br

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Vinho Terras de Cartaxo e lasanha de massa verde com brócolis


Hoje fizemos uma lasanha de brócolis  para acompanhar o Vinho Terras de Cartaxo, esse vinho é da região do Tejo, Portugal. Fundada em 1954, a Adega Cooperativa do Cartaxo está implantada na região demarcada do Tejo onde as atividades vitivinícolas existem há muitos anos atrás.
Das terras do Cartaxo, de onde existem referências históricas na produção de vinho desde a mais de 2.000 anos, nasceu esse vinho de castas:Trincadeira, Castelão e Tinta Roriz;
Cor granada, aroma  com Notas de frutos  silvestres, sabor frutado, macio e equilibrado.Final agradável e persistente;
Harmoniza com carnes vermelhas e pratos bem condimentados.

Para acompanhar uma lasanha feita em casa com os seguintes ingredientes:1 maço de brocólis, 1 caixa e meia de creme de leite, 1 caixa de molho vermelho, parmesão ralado, 250g de mussarela, temperos(alho, azeite, orégano e manjericão frescos), massa de lasanha.

Elaboração: Dore o alho no azeite, acrescente manjericão picado, após misture o creme de leite com o molho vermelho.
Nós compramos uma massa de lasanha verde pronta, nem precisou cozinhar.Caso comprar massa que precise de cozimento, siga as instruções da embalagem, mas compre massa para lasanha.

Monte : coloque uma camada de molho acrescente umas folhas de orégano fresco, uma de massa, outra de brócolis, uma camada de mussarela sem picar. Após coloque outra camada de massa e o resto do molho, por fim coloque o queijo ralado e acrescente umas folhas de orégano.
Coloque no forno por 45 minutos e vá olhando para acompanhar.Forno médio.

domingo, 9 de outubro de 2016

Salada de lentilhas com vinho e mussarela de búfala, esfirras, tabule, homus, coalhada e drink com Espumante Nero Brut


Nesse final de semana fizemos um jantar árabe com  esfirras feitas em casa, tabule, coalhada, homus e  salada de lentilha com molho de vinho com mussarela de búfala e para acompanhar fizemos um drink com amoras frescas, maracujá e espumante Brut Nero.

Vamos as dicas das receitas e do drink:

Esfirra fechada de frango:
Aqui fizemos de frango, mas pode rechear com queijo ou carne:

Ingredientes da massa:1/2 copo de leite morno; 1/2 colher  ( chá )  de sal e 1/2 colher de (chá) de açúcar, 400 g  de farinha de trigo, 20 g de fermento biológico, menos de 1/2 xícara de óleo, 1 ovo.

Recheio:  3 filés de frango cozido e desfiado, 2 tomates picados, 5 azeitonas pretas picadas, cebolinhas, salsinhas e orégano fresco picados, 2 dentes de alhos picados e 1 cebola picada, pimenta a gosto.

Como preparar:Dissolver o fermento biológico no leite morno e colocar em uma tigela, acrescentar o sal, o açúcar e 2 xícaras de farinha de trigo.Misture bem.

Após coloque o óleo, ovo e o  que sobrou  da farinha e vá mexendo até  a massa soltar da mão e ficar macia.
Fazer bolinhas iguais com a massa, sempre acrescentando um pouco de farinha nas mãos para a massa  ficar maleável.Reserve.

Enquanto isso faça o recheio,dore a cebola, o alho, após acrescente o frango e demais ingredientes. Após o preparo deixe o recheio ficar sequinho e não muito quente.

Rechear cada bolinha  e modelar fechando.

Pincele com uma gema de ovo  e coloque no forno médio até assar e começar a dourar.

Salada de lentilhas com vinho  mussarela de búfala:

Ingredientes:Você pode optar por cozinhar 1 xícara de lentilha ou comprar já cozida, a marca Camil tem lentilhas já cozidas e prontas para consumo.
Azeite, 1 cebola roxa, 1 maço de tomilho ou óregano,1/2 xícara de vinho tinto seco, 1/2 limão, pimenta e sal do Himalaia, Rúcula e Mussarela de Búfala.

Como preparar: Após o cozimento das lentilhas, reserve. Fritar a cebola picada com azeite, acrescente o tomilho ou orégano e 1/2 limão.
Coloque as lentilhas e refogue, após coloque o vinho, sal e pimenta.
Deixar as lentilhas por 1 hora na geladeira.
Após colocar elas em uma tigela, acrescentar em volta rúcula e mussarela de búfala, colocar azeite e um pouco de azeite e orégano sobre a mussarela de búfala.

Drik: Espumante Nero Brut, Amoras e maracujá.

Bater no liquidificador 1 maracujá e acrescentar umas 10 amoras. Coar e colocar nas taças, após acrescentar o espumante.

Quer relembrar um pouco sobre o homus, a coalhada, o tabule e informações técnicas do espumante Nero:

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Andrea Bocelli seu vinho e sua música...em outubro no Brasil.




Andrea Bocelli, Nicole Scherzinger - No Llores Por Mi Argentina


Andrea Bocelli, Ariana Grande - E Più Ti Penso

Em ritmo de Bocceli, já que o famoso cantor estará nos próximos dias 12 e 13 de outubro em São Paulo, Brasil, assim vamos unir o magnifico com o maravilhoso, só assim para expressar o talentoso dom da música e agora a elaboração de um vinho com seu nome.
A importadora responsável no Brasil é a Italiamais

A propriedade onde é elaborado o vinho é familiar e existe há 03 gerações, sendo os irmãoes Alberto e Andrea Bocelli, os principais produtores. Quer saber mas sobre o vinho:

Bocceli Rosso Toscana:
Produtor: Bocelli;
Região: Pisa -Toscana, Itália;
Castas:100% Sangiovese;
Envelhecimento: vinificação em aço inox e cimento por 20 dias. Envelhecimento de 20% do vinho em barris de carvalho por 6 meses;
Notas de degustação: de cor vermelho rubi, um buquet de aromas e elegante, com frutas escuras do bosque, flores e especiarias.Taninos redondos e macios;
Pontuação 90 WS.


                                                     Imagens e informações :http://www.italiamais.com.br/site/bocelli/

                                                                             http://www.andreabocelli.com/
                                

Bruschettas de pasta síria e gorgonzola com vinho Periquita


Para quem acompanha nossa página  sabe que bruschettas são nossa especialidade, não só pela praticidade, mas por combinar perfeitamente com um bom vinho.

Então vamos começar pelo vinho de hoje  e após a dica das  bruschettas  que acompanharam o vinho;
video

Vinho Periquita:
Região:Setúbal, Portugal 
Ele  é tradicional e sempre agrada, um vinho Português que tem uvas (tintas castelã, trincadeira e aragonês) ;
Vinícola:José Maria da Fonseca;
06 meses em carvalho francês e americano(madeira nova e usada);
Aroma: madeira, morango, groselha, amoras, um pouco de baunilha;
O vinho Periquita é conhecido como o primeiro vinho tinto engarrafado em Portugal. Essa inovação traduz a sua originalidade e, reflexo de Portugalidade surge da sua presença na mesa dos portugueses- de todos nós- desde 1850.

A história do Periquita  remonta o início da José Maria da Fonseca, quando por volta de 1846 se comprou a propriedade Cova da Periquita. Foi nessa propriedade, hoje em dia engolida pelo desenvolvimento urbano que José Maria da Fonseca plantou as primeiras uvas da casta Castelão, que ele  próprio havia trazido, muito provavelmente do Ribatejo.

Então o vinho foi produzido  da Cova da Periquita e provou ser o melhor da região e apesar de ser produzido desde 1850, José Maria da Fonseca registrou  marca em 1941.

Prêmios Vinho Tinto Periquita Colheita 2012: 
-86 pontos Wine Enthusiast (vinho Periquita 2011);
-87 pontos Wine Spectator ( vinho tinto Periquita Colheita 2009);
-90 pontos Wine &Spirits ( vinho tinto Periquita colheita 2008) e Medalha de ouro no 29 concurso Internacional de vinhos de San Diego;
-90 pontos Wine & Spirits (vinho tinto Periquita colheita 2008) e Medalha de Prta no Decanter Wine Awards 2011;
-84 pontos no Wine Advocate- Robert Parke.

Bruschetta:

Para acompanhar fizemos bruschettas  com pães portugueses, sendo um de alho e outro de azeitonas da Padaria Santa Helena, usamos esses pães para fazer as bruschettas.
Elaboramos as bruschettas da seguinte forma: passamos em alguns pasta síria e em outros pasta de gorgonzola do Santa Helena e acrescentamos por cima oréganos e tomilhos frescos, por fim acrescentamos azeite Esporão.

Pronto...só saborear!Tim Tim!!


Pães e pastas :http://www.santahelenasuzano.com.br/

Vinho:http://www.jmf.pt/index.php?id=46

Azeite:https://www.esporao.com/pt-pt/magazine/azeites/

sábado, 1 de outubro de 2016

Grande Prova Mediterrânica – Azeites e Vinhos do Alentejo” em Lisboa

Imagem recebida por e-mail da renomada :http://www.essenciadovinho.com/

Informações de horários e como participar:

                                      http://www.vinhosdoalentejo.pt/noticias.php?idn=204

Brut Rosé é único brasileiro premiado no Mondial des Pinots-Vinícola Peterlongo comemora conquista na Suíça

Peterlongo Privillege Brut Rosé, elaborado a a partir de uvas da variedades Pinto Noir, foi o único produto Brasileiro a receber medalha no 19o_ Mondial des Pinot, realizado de 7 a 9 de Agosto em Sierre, na Suiça. A conquista da medalha de prata aumenta ainda mais o prestígio da bebida que nos últimos meses vem colecionando prêmios mundo afora.

O concurso reuniu 1.347 amostras inscritas por 470 vinícolas de 24 países. Com a chancela da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV), da União Internacional de Enólogos (UIOE) e da Federação Mundial dos Grandes Concurso Internacionais de Vinhos (VinoFed), 68 especialistas de 23 países foram responsáveis por avaliar os produtos.

Somente neste ano, este é o quarto prêmio conquistado pelo produto.

O espumante é equilibrado, cremoso e com acidez marcante, apresenta frescor com retrogosto frutado e intenso. Seus aromas exalam frutas vermelhas como morango, cassis e amora, destacando boa intensidade e leve toque tostado. No visual, limpidez e coloração levemente rosada de boa vivacidade. Perlage fino, intenso e persistente. O Privillege Peterlongo Brut Rosé tem 11, 5% de graduação alcoolica e 6,7g;L de acidez total. 


PREMIAÇÕES
·                     Medalha de Ouro | Concurso dos Melhores Vinhos e Espumantes de Garibaldi | 2013
·                     Medalha de Prata | Concurso do Espumante Brasileiro – Garibaldi/RS | 2013
·                     Medalha de Ouro | Concurso dos Melhores Vinhos e Espumantes de Garibaldi | 2014
·                     Medalha de Prata | Concurso la Mujer Elije – Argentina | 2014
·                     Medalha de Ouro | Concurso La Selezione del Sindaco – Portugal | 2015
·                     Medalha de Ouro | Concurso Mundial de Bruxelas – Edição Brasil | 2015
·                     Medalha de Prata | Concurso Vinus – Argentina | 2015
·                     Medalha de Ouro | Brazil Wine Challenge – Brasil | 2016
·                     Medalha Duplo Ouro | Concours Mondial de Bruxelles – Brasil | 2016
·                     Medalha de Ouro | Concurso Internacional de Vinos y Licores Vinus – Argentina | 2016
·                     Medalha de Prata | Mondial des Pinots – Suíça | 2016
Foto :Carlos Bem
 informações: www.conceitocom.com.br